Igreja cresce no Iraque, apesar de 200 assassinatos neste ano

07-06-2011 19:07

A maioria dos cristãos do Iraque conhece pelo menos um dos membros da sua igreja que foi assassinado, provavelmente executado. Imagine testemunhar 200 mortos nos primeiros seis meses do ano? É o que os cristãos do Iraque têm enfrentado.

Na verdade, muitos dos crentes mais fervorosos abandonariam a sua congregação se ela tivesse sendo alvo de explosões ou se os cristãos estivessem sendo sequestrados toda semana.

Apesar destas realidades horríveis, no entanto, um pastor iraquiano de uma igreja em Bagdá de 4 mil crentes disse que seus membros estão entre os mais felizes membros frequentadores da igreja que ele já viu.

"Muitos cristãos foram mortos. No entanto, a Igreja no Iraque é tão feliz, milagrosamente feliz. O fato de a igreja ser assim é incrível. Eles têm muito para nos ensinar.” disse o cristão.

“Somente quando perdemos tudo percebemos que Jesus é tudo pra você", diz ele. A igreja continua sob forte oposição. Mas ela cresce e se fortalece”.

 

Fonte: Charisma News