ELLEN G. WHITE - ESPÍRITO DE PROFECIA OU DE PLÁGIO?

06-08-2011 23:04

Como os Adventistas encaram Ellen Gould White? O livro ao lado assim confessa:

"Os Adventistas do Sétimo Dia acreditam que as mensagens dadas a Ellen G. White à Igreja são divinamente inspiradas." - Ellen G. White, Mensageira da Igreja Remanescente, página 214.
Seria ela mesmo uma profetiza? Essa matéria não tem por objetivo questionar a liberdade religiosa da Igreja Adventista do Sétimo Dia, mas, baseados em documentos e livros, pretendemos expor que essa senhora não é nada mais do que uma falsa profetiza, que desavergonha-damente copiou, plagiou livros comtemporâneos a ela, ponto em questão sua autoridade. Veja o seguinte comentário abaixo sobre como E. G. W. dependeu de outras obras literárias para plagiar seus livros:

"É de suma importância notar que foi Ellen White mesma, não seus assistentes literários, quem compôs o conteúdo básico do texto do livro O Desejado de Todas as Nações. Ao fazer isto foi ela quem tomou expressões literárias das obras de outros autores sem lhes dar crédito como suas fontes. Segundo, deve-se reconhecer que Ellen White utilizou os escritos de outras pessoas consciente e intencionalmente. . . . Implícita ou explicitamente, Ellen White, e outros que falaram em nome dela, não admitiram, e até negaram, a dependência literária da parte dela". - Ministry 1990, página 11.

 

"A maior parte do conteúdo do comentário de Ellen White sobre a vida e o ministério de Cristo, O Desejado de Todas as Nações, é derivado, antes que original. [...] Em termos práticos, esta conclusão declara que não se pode reconhecer nos escritos de Ellen White sobre a vida de Cristo nenhuma categoria geral de conteúdo ou catálogo de idéias que sejam somente dela". - Ministry 1990, Página 12.

.

"Devo admitir desde o começo que, na minha opinião, este é o problema mais sério a ser deparado com relação à dependência literária de Ellen White. Isto assesta um golpe ao coração de sua honradez, sua integridade, e, portanto, sua confiabilidade". - Ministry 1990, página 14.

.

Se essas declarações forem verdadeiras, os Adventistas do Sétimo Dia estão enganados em crer numa pseudo-profetiza. Então, que tal irmos às provas?

A Indesejada de Todos os Cristãos

Uma profetiza que copia livro dos outros, sem lhes dar odevido crédito, cópias estas que nem de autores tidos por inspirados por Deus (nem por nós cristãos, nem pelos adventistas do sétimo dia) não merece crédito. Se ela tivesse morado no antigo Israel, ela teria sido apedrejada. Dá-nos pena de ver os adventistas, pessoas tão dóceis, que com um canto da boca nos chamam de irmãos, com o outro se declaram a única igreja remanescente, seguirem essa senhora, que mais parecia uma máquina de xerocar do que uma profetiza. Esta senhora teve a ousadia de plagiar um judeu convertido ao cristianismo, chamado Alfred Edersheim, nascido aos 7 de março de 1825 e falecido aos 16 de março de 1889. Ela plagiou o livro Bible History: Old Testament, volumes 1 a 4, que o Sr. Alfred escreveu entre 1876 e 1880. A Sra. Ellen usou os temas dele no seu livro Patriarcas e Profetas, escrito em 1890. Veja a prova disso, apresentada no livro A Mentira Branca (The White Lie), de Walter T. Rea, de 1982: (clique nas fotos abaixo para visualizar os plágios melhor)

 

Como os adventistas explicam isso? Memória fotográfica? Inspiração xerocada? Poderia uma escritora usar textos não inspirados como fonte? E cerca de 1750 anos depois depois do término da escrita da Bíblia? Onde alguém na Bíblia baseou-se num tão grande número de páginas, não indicou que estava se baseando num outro livro não inspirado? E esses são apenas uns exemplos de plágio! Além de ser plágio, dizem que ela é inspirada, e pior, afirmam sobre o Livro Desejadode Todas as Nações (o livro que ela escreveu plageando o outro):

.

"Estes livros inspirados, tais como o Desejado de Todas as Nações, O Conflito dos Séculos e Patriarcas e Profetas são, corretamente, revelações divinas da verdade sobre as quais deveríamos depender completamente." - O Colportor Evangelista, página 124.
.
Revelações divinas da verdade? Primeiro para o Alfred Edersheim? Como os adventistas podem crer que essa senhora é inspirada e que deveríamos depender completamente de suas inspirações?.

Aos adventistas dizemos: Amamos vocês! Mas às doutrinas heréticas dessa senhora pseudo-profetiza, a Bíblia diz que devemos ignorá-la. - Deuteronômio 18:22.

 

http://iacs33.blogspot.com/2008/09/adventistas-do-stimo-dia-ellen-g-white.html
Fernando Galli, agosto de 2008.