Adolescente cristã é sequestrada, violentada sexualmente e obrigada a se casar com muçulmano

21-08-2012 18:30

Mais um caso de violência contra cristãos no Oriente Médio, desta vez, uma adolescente cristã foi sequestrada, agredida sexualmente e obrigada a se casar com um muçulmano. A barbárie aconteceu no Paquistão, na cidade de Chunian, há aproximadamente um mês, a garota ainda foi obrigada a assinar um documento declarando que se convertera à religião islâmica.

Segundo informações da família da jovem, cujo irmão é pastor evangélico, ela ainda é menor de idade. No Paquistão, por lei, não é permitido o casamento de mulheres menores de idade, porém, de acordo com declarações dos cristãos locais “a família do sequestrador é rica, poderosa, e ignoram a lei”.

Apesar de a polícia paquistanesa ter recebido a denúncia do crime não foi realizada investigação para averiguar o ocorrido, mas, deliberadamente apresentaram ao tribunal um relatório certificando que a adolescente é muçulmana e casou legalmente.

O presidente da Associação Evangélica de Desenvolvimento Jurídico, Mustaq Pastor Gill, revelou que este tipo de prática, o de conversão forçada, é bastante comum no Paquistão, e que as minorias religiosas, como as cristãs, principalmente localizadas nas zonas rurais são os principais alvos dos muçulmanos. Ainda segundo Pastor Gill, ocorrem aproximadamente mil casos por ano em todo o país.

Redação Gospel+